Handebol feminino conquista vaga inédita na semifinal dos Jogos Abertos

*Texto e fotos: Leonardo Moniz/Selam

A armadora esquerda Jamily Oliveira

A armadora-esquerda Jamily Oliveira foi um dos destaques de Piracicaba

A equipe feminina sub-21 de handebol de Piracicaba conquistou hoje, domingo, 09/10, a inédita classificação para as semifinais da categoria nos Jogos Abertos do Interior. A vaga veio após o vitória contra Ourinhos pelo placar de 35×14, no Ginásio de Esportes Topolândia, em São Sebastião, que sedia a 84ª edição do evento. Com o triunfo, o time piracicabano, que é representado pela ADH 15 de Piracicaba, enfrenta São José dos Campos amanhã, segunda-feira, 10/10, em busca de um lugar na decisão do torneio.

“Temos um grupo jovem, com apenas três atletas que já participaram dos Jogos Abertos do Interior. A vaga na semifinal é um fato inédito na categoria sub-21. Mais do que o aprendizado no handebol, as meninas estão vivenciando um momento importante para a formação humana delas. É algo que desperta o interesse pelo esporte. Além disso, é uma vitrine para elas, pois estão sendo observadas por outras equipes renomadas. No handebol, os Jogos Abertos são considerados como o maior campeonato da modalidade na América Latina”, destacou o treinador José Batista.

A central Alice Delábio

A central Alice Delábio prepara uma jogada trabalhada contra Ourinhos

Antes de eliminar Ourinhos nas quartas de final, a equipe feminina sub-21 de handebol de Piracicaba superou Presidente Prudente (28×18) e Barretos (31×14), encerrando o Grupo B na liderança. Já no torneio masculino livre, a ADH 15 de Piracicaba não teve a mesma sorte e se despediu na primeira fase com três derrotas para Araçatuba, Ribeirão Preto e São Carlos, em quarto lugar no Grupo B.

RESULTADOS – Os times piracicabanos masculinos de basquete sub-21 e futebol sub-20, representados pelo Clube de Campo de Piracicaba (CCP) e XV de Piracicaba, respectivamente, também encerraram a participação em São Sebastião neste fim de semana. No sábado, 08/10, o CCP fez duelo equilibrado pelas quartas de final contra Campinas, e acabou derrotado por 78×74. O elenco comandado pelo treinador Marcos Silva passou com 100% de aproveitamento na primeira fase, quando bateu Santo André (82×66), Mogi das Cruzes (69×66) e Praia Grande (69×65). No futebol, o Nhô Quim finalizou a campanha também nas quartas de final ao perder para Marília – empate por 2×2 no tempo regulamentar e derrota nos pênaltis pelo placar de 5×4.




‹ Voltar